Constipação: Não apenas o nariz, mas também os seios paranasais são afetados

Quando numa constipação surgem dores de cabeça e/ou dores de pressão no rosto, então trata-se com certeza de uma infeção aguda dos seios paranasais. Quais os principais sintomas numa inflamação (sinusite) e que medicamentos podem ajudar? Descubra aqui.

Uma jovem constipada e com os seios paranasais inflamados limpa o nariz.

Que sintomas indicam uma sinusite?

Uma constipação e uma inflamação dos seios paranasais são sintomas que muitas vezes não se conseguem distinguir entre si. A razão para isto é que uma sinusite (inflamação dos seios paranasais) ocorre a maior parte das vezes com uma constipação (rinite) – os médicos falam portanto de uma rinosinusite. As pessoas afetadas falam com frequência de:

  • Nariz entupido
  • Secreção nasal, que corre pela garganta
  • Respiração pelo nariz limitada bem como olfato reduzido
  • Sensação geral de mal-estar
  • Dores de cabeça
  • Dores de pressão no rosto que se acentuam quando se inclina

A par das dores, quando pressionado verifica-se, em muitos casos, qual o seio paranasal que está inflamado devido à constipação. Se as dores surgem, por exemplo, na região da testa e dos olhos, fala-se de uma inflamação do seio frontal. Por outro lado, se as dores estiverem localizadas perto do maxilar ou das bochechas, acredita-se que seja uma inflamação do seio maxilar. Neste caso, é fácil confundir-se estes típicos sintomas com dores de dentes.

A inflamação do seio maxilar e inflamação do seio frontal são as formas mais comuns da sinusite.

Assim começa uma inflamação dos seios paranasais

O nariz e seus seios paranasais estão conectados entre si através de canais estreitos de conexão, os chamados septos. Se as membranas mucosas do nariz forem afetadas por uma infeção, é possível que a mesma passe para os seios paranasais através dos septos. Entretanto, assume-se que os seios paranasais numa infeção da mucosa nasal estejam sempre de alguma forma envolvidos.

Quando a mucosa nasal incha fortemente e acumula secreção, contribui para o desenvolvimento de uma sinusite. Estes fatores bloqueiam os septos e verifica-se uma ventilação insuficiente nos seios paranasais, criando um local ideal para os agentes patogénicos.

A sinusite pode, em princípio, afetar todos os seios paranasais. Estes são cavidades no osso craniano, também revestidas por membranas mucosas. Em ordem descendente distinguem-se quatro tipos: cavidade cerebral, seio etmóide, seio esfenoidal e seio maxilar.

Inflamação dos seios nasais: medicamentos e remédios caseiros

Compressas mornas à volta dos membros dolorosos, chá, entre outros.. Os truques das avós!

Quando os seios estão muito congestionados, o tratamento visa principalmente ajudar as membranas da mucosa do trato respiratório a descongestionarem. Isso permite que a secreção seja drenada com mais facilidade e os seios paranasais sejam melhor ventilados.

Apropriados, no caso de uma inflamação dos seios paranasais, são, por exemplo, medicamentos com uma substância ativa vasoconstritora, o cloridrato de pseudoefedrina. Esta tem um efeito descongestionante nas membranas mucosas do nariz e dos seios nasais, bem como nos septos que muitas vezes não são alcançados com um spray nasal convencional. Assim, a secreção acumulada pode drenar melhor.

Além dos medicamentos, a inalação de vapor, comprovada em casos de corrimento nasal e tosse, também pode aliviar a sinusite. Muitas das pessoas afetadas também consideram agradável uma irradiação de luz vermelha, por meio da qual a inflamação pode ser inibida. Um aumento ligeiro da humidade na sala também ajuda a liquefazer as secreções viscosas e previne uma secagem rápida das membranas das mucosas.