Que substância ativa se encontra na Aspirina ®?

Ácido acetilsalicílico – uma palavra complicada que esconde uma substância ativa com uma série de propriedades. O AAS, a sua abreviatura, não só tem um efeito analgésico e antipirético como também é anticoagulante. Além disso, o AAS tem propriedades anti-inflamatórias. Conheça todas as informações relevantes sobre a substância ativa de Aspirina®, o ácido acetilsalicílico, desde as aplicações possíveis até à administração.

Comprimidos Aspirina® com ácido acetilsalicílico

Ácido acetilsalicílico: o efeito

O ácido acetilsalicílico é uma substância ativa multifacetada com propriedades analgésicas, antipiréticas e anti-inflamatórias.

Porém, como atua exatamente o ácido acetilsalicílico? A substância ativa inibe a formação endógena de neurotransmissores, as chamadas prostaglandinas, que aumentam a sensibilidade dos recetores da dor no corpo. Inibindo a formação destes, reduz a excitabilidade exacerbada dos recetores da dor nas terminações nervosas e reduz as dores e sintomas inflamatórios.

O ácido acetilsalicílico encontra-se em todos os produtos Aspirina®.

 

O âmbito de aplicação do ácido acetilsalicílico, em resumo:

  • Dores ligeiras a moderadas
  • Febre
  • Inflamação

Como é usado o ácido acetilsalicílico?

O AAS é uma substância ativa tomada normalmente por via oral mas também através da mucosa da boca. A opção de tomar um comprimido, um microgranulado ou um comprimido efervescente depende unicamente das preferências de cada um.